Sexta, 22 de fevereiro de 2019
Vereadores participam de comitiva em busca de recursos para o município em Brasília

Representando a Casa Legislativa santo-angelense, o secretário da Mesa Diretora da Câmara de Vereadores de Santo Ângelo, Vinícius Makvitz (MDB), e os vereadores Felippe Terra Grás (PDT), Pedrão (PSD) e Valter Mildner (REDE), participaram de uma comitiva que esteve em Brasília durante esta semana.

Junto ao deputado estadual Eduardo Loureiro, o prefeito Jacques Barbosa, vice-prefeito Bruno Hesse e secretário de Meio Ambiente Francisco Medeiros, os edis estiveram em uma agenda de reuniões com os ministros da Cidadania, Osmar Terra, do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, e com integrantes do Ministério da Justiça e Segurança. De acordo com Makvitz, o objetivo foi de apresentar demandas e buscar recursos para Santo Ângelo.

Saneamento Rural

No encontro com integrantes ao Fundo de Políticas de Direitos Difusos, do Ministério da Justiça e Segurança, Makvitz, o prefeito Jacques Barbosa, Bruno Hesse e Francisco Medeiros, e representantes do Ministério Público do Rio Grande do Sul, apresentaram o Plano Básico de Saneamento Rural, e um projeto para investir na proteção de poços artesianos e em novos reservatórios no interior do município de Santo Ângelo,

A reunião ocorreu na quarta-feira, 20, e o projeto apresentando está orçado em R$ 1,6 milhões.

Turismo religioso

Na quinta-feira, 21, os vereadores Makvitz, Terra Grás, Pedrão e Mildner, junto ao prefeito, vice-prefeito e secretário do Meio Ambiente de Santo Ângelo, e ministro Osmar Terra, conversaram com o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio. De acordo com Makvitz, durante o encontro foram debatidas medidas para potencializar o turismo religioso na cidade e região, colocar a ‘Capital das Missões’ no portfólio de divulgação do turismo nacional.

O secretário da Mesa diretora afirmou ainda que um dos principais assuntos da reunião com o Ministro do Turismo, foi a ampliação do Aeroporto Sepé Tiaraju, que envolve investimentos que giram em torno de 45 milhões. Além disso, há também o montante orçado em R$ 600 mil para a construção do Pórtico Santo Ângelo Custódio e a modernização da sinalização turística local e regional. “O Ministro se colocou à disposição para auxiliar na liberação, além de nos ajudar no fortalecimento das ações voltadas ao turismo religioso”, afirmou o vereador.

Makvitz ressaltou o esforço conjunto dos ministérios da Cidadania e do Turismo para “ajudar a alavancar o desenvolvimento turístico, unindo a nossa cultura ao fomento de negócios no turismo”.

 

OUTRAS NOTÍCIAS
22 de junho de 2022
Escola Presidente Getúlio Vargas está com inscrições abertas para cursos técnicos
22 de junho de 2022
Presidente do Legislativo São-borjense visita a câmara de Vereadores de Santo Ângelo
21 de junho de 2022
Clubes de Mães da comunidade do Rincão do Sossego realizam festa junina
20 de junho de 2022
Legislativo concede a Janira do Couto Mânica a Ordem da Cruz Missioneira
19 de junho de 2022
Santo Ângelo cede 5,4 hectares à Associação Indígena Tekoa Pyau