Quinta, 07 de abril de 2022
PROJETO DE LEI BUSCA ALTERAR OS MENORES SALÁRIO DO MUNICÍPIO

 

Em discussão pela segunda vez na Casa Legislativa, o Projeto de Lei de autoria do vereador Nivaldo Lange (Nêne)-PP, aprovado por maioria, pretende aumentar os salários dos servidores municipais das classes 2 e 3. O projeto, que já havia tramitado no plenário Municipal há alguns dias, retornou à pauta da sessão Ordinária desta Segunda-feira (04), e gerou grande debate sobre o assunto.Atualmente, os funcionários públicos que possuem os menores rendimentos mensais, estão alocados nos padrões 3 e 4, compreendidos pelas seguintes funções, carpinteiro,Cozinheira, eletricista, ferreiro, instalador, mecânico, monitor de saúde e assistência, operário, padeiro, pedreiro, pintor, servente e vigilante.Para o vereador autor do projeto, trata-se da adequação dos cargos, uma vez que em 2019 e 2020 houve uma valorização de diversos setores do funcionalismo municipal, que até então pertenciam aos padrões 3 e 4, as mudanças de classe impactaram nas funções de agente administrativo auxiliar, atendente, motorista e operador de máquinas, deixando os cargos já citados anteriormente fora desta mudança, o que gerou um sentimento de insatisfação por parte dos servidores, afirma Nivaldo Langer.No Projeto de Lei do Vereador, consta um aumento de 20% sobre o valor atual da folha de pagamento dos respectivos cargos. Segundo Nêne, este incremento salarial visa sanar a desigualdade que existe, ainda relembra que os menores padrões do plano de carreira, 3 e 4, por muito tempo receberam complemento de salário mínimo aos seus vencimentos. Após amplo debate, onde alguns vereadores questionaram a legalidade do projeto, e outros sobre a reserva de recursos destinado ao pagamento deste aumento, o Projeto de Lei foi aprovado por maioria e seguirá seu curso nos próximos dias.Outro tema abordado pelo vereador em um segundo Projeto de Lei foi sobre a obrigatoriedade de instalação de telas de proteção nas bocas coletoras de águas pluviais. O assunto dividiu a opinião dos vereadores, segundo o vereador Nêne, o objetivo do projeto será justamente impedir a entrada de lixo ou detritos no sistema de escoamento urbano, o que acarreta o entupimento do sistema. O autor do projeto destacou que esta ação reduzirá os pontos de alagamento em diferentes regiões do município, que acabam causando danos à saúde dos moradores e perda de móveis. Após sugestões de melhoria no projeto e contraposições, o pedido resultou em aprovação por maioria e encaminhamento ao órgão competente.

 

 

OUTRAS NOTÍCIAS
10 de agosto de 2022
Agosto Lilás fortalece a luta contra a violência da mulher em Santo Ângelo
09 de agosto de 2022
Associação dos Supervisores de Educação do RS recebe homenagem da Câmara de Vereadores
08 de agosto de 2022
Músico Arnóbio Bilia recebe a Ordem da Cruz Missioneira
04 de agosto de 2022
Reunião define ações de melhorias para os pontos de táxi de Santo Ângelo
03 de agosto de 2022
Legislativo homenageia Colégio Teresa Verzeri pela passagem de seus 90 anos