Quinta, 04 de novembro de 2021
Odorico Bessa recebe título de Cidadão Honorário de Santo Ângelo

Odorico Bessa Almeida recebeu o título de Cidadão Honorário do município de Santo Ângelo em Sessão Solene realizada na noite do último dia 29 de outubro.

A solenidade foi proposta pelo vereador Vando Ribeiro, que ao discursar em nome da Casa Legislativa, relembrou toda a dedicação do homenageado em prol da comunidade santo-angelense. Após sua manifestação, o parlamentar entregou a Odorico e sua esposa Marisa Almeida, o pergaminho com o título de cidadão santo-angelense.

Em seguida, o homenageado se manifestou, emocionado, e relembrou momentos importantes do seu trabalho e da sua caminhada, agradeceu sua esposa, filhos, familiares e amigos, e também agradeceu o Poder Legislativo, do qual ele fez parte como vereador e presidente da Casa, pelo reconhecimento.

Também participaram da Mesa de Honra, o prefeito Jacques Barbosa e o deputado estadual Eduardo Loureiro. A solenidade foi realizada na presença de autoridades locais, familiares, amigos, e ex-colegas de trabalho.

 

O homenageado

 Odorico Bessa Almeida nasceu em 02 de agosto de 1936, em Cruz Alta. Filho de João Elpídio Almeida e Aracy Bessa Almeida, casou-se com Marisa Almeida, com quem teve seis filhos: Isabel Oliveira Almeida, Carlos Augusto Almeida (in memóriam), Maria Cristina Almeida da Silva, João Francisco Almeida, Raquel Almeida Costa e Lia Almeida Balbé. Possui 9 netos e dois bisnetos.

É graduado em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade de Direito de Santo Ângelo (1975), alem de técnico em Agricultura (1957) e Mestre Agrícola (1955).

Foi provedor Hospital de Caridade de Santo Ângelo de 1º de junho de 2016 até 15 de dezembro de 2020.

Exerceu as funções de vereador no período de 1989 a1992, tendo sido Presidente da Câmara Municipal de Vereadores em 1992. Foi  Vice-Presidente da Ordem dos Advogados do  Brasil nos anos de 2010,2011,2012.

Odorico Bessa também atuou como Secretário Municipal de Educação (1981 a 1985) e Secretario Municipal de Administração (1980), na Prefeitura Municipal de Santo Ângelo.

No exercício da docência, foi professor de matemática no Colégio Marista (1969 a 1974), no Colégio Estadual Júlio de Castilhos (1963 a 1966) e no Colégio Estadual Missões(1966 à 1980), onde também foi Diretor (1973 a 1975)

Membro Efetivo do Conselho Municipal de Educação e Cultura em Santo Angelo (1981 a 1984), advogado na Procuradoria Geral do Estado no município, funcionario da Secretaria da Agricultura do Estado do Rio de do Sul. Como  Técnico Agrícola trabalhou na Estação Experimental Fitotecnia da Seria em Julho de Castilhos (1962 a 1966), na quinta Delegacia  Regional Agrícola na Cidade de Santo Ângelo (1966 a 1969) e foi Diretor e Professor no centro de Treinamento Agrícola. Ainda como Técnico Agrícola, exerceu a função na 8ª Inspetoria  Regional do Serviço Florestal RS, sendo Chefe do Posto Florestal - Lomba do Sabão, em 1958 na Cidade de Porto Alegre.