Terça, 19 de janeiro de 2021

Vereadores aprovam projeto de Lei que trará 5,2 milhões de economia para o município

Com uma pauta extensa para ser votada, os vereadores da Câmara Municipal de Santo Ângelo trabalharam na apreciação de um Projeto de Lei e inúmeros requerimentos e pedidos de informação na Sessão Ordinária dessa segunda-feira, 18.

Na ocasião foi aprovada o Projeto de Lei do Poder Executivo que dá continuidade à Reforma Administrativa, alterando o organograma de cargos e salários da administração municipal de Santo Ângelo.

A matéria foi aprovada por unanimidade pelos edis. O Chefe do Poder Legislativo santo-angelense, Nader Awad, pontuou que após reuniões com o Governo Municipal os vereadores avaliaram e entenderam a necessidade de que o projeto fosse aprovado. “Avaliamos que a proposta devia ser aprovada, considerando que trará economia sem perder a qualidade e a eficiência nos serviços prestados pelo município”, afirmou.

Awad lembrou que a Câmara de Vereadores realizou uma reunião com o prefeito e com o secretário municipal de Governo e Relações Institucionais, Hélio Costa, para que fosse apresentado aos vereadores o projeto. Na ocasião, Barbosa pontuou que a economia será de R$ 5,2 milhões em quatro anos, valor que poderá ser usado para investimentos na Capital das Missões.

O projeto aprovado extingue 34,74% das funções gratificadas (FGs), 15,45% dos cargos em comissão (CCs) e 26,67% das nomeações de agentes políticos (secretários).

 

OUTRAS NOTÍCIAS
11 de fevereiro de 2021
O encontro foi proposto pela Comissão Especial de acompanhamento para o retorno da volta às aulas, e teve a participação do presidente da Casa Legislativa Nader Awad (PSD), dos edis Vando Ribeiro (MDB), Rodrigo Flores (PDT), Nivaldo Langer de Moura (NENE)