Brasão

Câmara de Vereadores
de Santo Ângelo

Câmara de Vereadores de Santo Ângelo.

Quarta, 08 de março de 2017

Vereador Felippe Terra Grass confirma indicação de R$ 600 mil para a área da segurança pública e para melhorias da infraestrutura urbana.

Santo Ângelo poderá contar com recursos extras para a área da segurança pública e para melhorias da infraestrutura urbana.  A informação é do vereador Felippe Terra Grass, que em contato com o Deputado Federal Pompeo de Mattos, recebeu a confirmação de que o município foi oficialmente indicado a receber duas emendas parlamentares no valor de aproximadamente R$ 300 mil cada.

Conforme informou o vereador, a indicação foi feita pelo próprio Deputado, que atendeu seu pedido e realizou o encaminhamento junto ao Ministério da Justiça e ao Ministério das Cidades. Na área da segurança, Felippe explica que a verba será destinada para a modernização das Instituições de Segurança Pública. Já no que se refere à emenda solicitada junto ao Ministério das Cidades, a expectativa é de que a mesma sirva de aporte às obras de melhorias na infraestrutura urbana de Santo Ângelo. Neste caso, a execução da verba ficará sob a responsabilidade da Prefeitura Municipal.

“Buscar recursos extras para o município é de extrema importância, principalmente diante da crise econômica pela qual passamos. Garantir essas emendas vai possibilitar avanços em duas áreas que sofrem, justamente, com a falta de investimentos. Esses R$ 600 mil vão colaborar para que tenhamos ruas iluminadas, pavimento, sinalização e, ainda, melhorias no serviço de segurança pública, tendo em vista que R$ 300 mil serão destinados para a modernização do setor. Agradecemos o apoio do Deputado Pompeo, assim como do Prefeito Jacques Barbosa, que esteve reforçando a necessidade do município ser contemplado com tal investimento”, destacou o vereador Felippe Terra Grass. 

12 de dezembro de 2018
12 de dezembro de 2018
Com a Câmara de Vereadores lotada por amigos e familiares, o homenageado recebeu a honraria na última segunda-feira, 10
11 de dezembro de 2018
A aprovação era necessária para que sejam executadas obras de expansão da rede de esgoto, obras que asseguram o abastecimento de água, ampliação de reservatórios e expansão de rede.