Brasão

Câmara de Vereadores
de Santo Ângelo

Câmara de Vereadores de Santo Ângelo.

Quarta, 03 de julho de 2019

Projeto Quebrando o Silêncio realizará capacitação sobre abuso infantil

A Câmara de Vereadores sediou, na tarde da última terça-feira, 02 de julho, uma reunião com representantes de órgãos ligados a ações e políticas de proteção à criança e ao adolescente e instituições de ensino, para deliberar sobre a organização da terceira edição do Projeto Quebrando o Silêncio, em Santo Ângelo.

Promovida pela Igreja Adventista do Sétimo Dia (IASD), a campanha envolve crianças e adolescentes de toda a rede pública de ensino e aborda temas de valorização da vida. Representando a instituição religiosa, estiveram no encontro o pastor Jessé dos Santos e a diretora da Escola Adventista Tatiane Goetz, que falaram sobre os preparativos para a realização da próxima edição, que deverá ocorrer no final de agosto.

Conduzida pelo legislador Dionísio Faganello, a reunião realizada com a instituição religiosa promotora da campanha, contou com a participação do presidente da Casa Legislativa, Maurício Loureiro, vice-presidente Vinícius Makvitz, e vereador Valter Mildner. Estiveram no encontro representantes do Conselho Tutelar, Secretaria Municipal da Educação, 7º Regimento de Polícia Montada (RPMon) com a Patrulha Maria da Penha e Proerd, Coordenadoria Municipal de Políticas Públicas para Mulheres, Poder Judiciário, Coordenadoria Regional de Saúde, Coordenadoria Regional de Educação, Condim e Iesa/Cnec.

 

Terceira edição

Neste ano, a campanha terá como tema “Abuso Infantil - a volta por cima”, e a ideia é promover uma capacitação aos formadores escolares, abordando a a forma correta de conduzir situações que possam aparecer nas escolas. “O projeto quer ajudar na identificação dos problemas e casos, e denunciar quando necessário. Queremos fazer uma atividade que explique como os professores devem agir dentro do espaço escolar, como ajudar essas crianças que passaram por um abuso, mediar as situações com amparo em leis e saber até onde devem ir”, ressaltou.

O presidente Loureiro relembrou que o projeto Quebrando o Silêncio virou Lei em Santo Ângelo em 2017, passando a fazer parte do Calendário Oficial de Eventos do município, e deixou o espaço da Câmara de Vereadores à disposição para a realização das reuniões de organização e para atividades do projeto. “O Poder Legislativo é apoiador da Campanha, pois ações como esta merecem atenção, precisam de apoio e devem ser valorizadas, pelo importante serviço que prestam à comunidade”, destacou.

Durante a reunião, os participantes expuseram os trabalhos em execução com crianças e adolescentes, no que se refere à temática do abuso infantil, e debateram a melhor forma de realizar a capacitação aos professores. Além disso, constataram a necessidade de trabalhar em conjunto, para fortalecer a rede de prevenção e proteção às vítimas de abuso infantil.

Desse modo, ficou definido que cada entidade verificará como pode contribuir com a capacitação, e as CRE e Smed verificarão quantos representantes por escola poderão participar, para dar os próximos encaminhamentos à atividade, em uma reunião marcada para às 9 horas do próximo dia 12, na Câmara de Vereadores de Santo Ângelo.

12 de julho de 2019
Cortes sugeridos pelo presidente da Câmara, vereador Maurício Loureiro (PDT), e discutido com líderes, pode gerar uma economia de até R$ 400 mil por legislatura