Brasão

Câmara de Vereadores
de Santo Ângelo

Câmara de Vereadores de Santo Ângelo.

Segunda, 26 de agosto de 2019

Programa Quebrando o Silêncio é realizado em Santo Ângelo

 Promovida pela Câmara de Vereadores, Poder Executivo e Igreja Adventista do Sétimo Dia (IASD), a terceira edição do Programa Quebrando o Silêncio teve início na tarde da última quinta-feira, 22, no Centro Municipal de Cultura, de Santo Ângelo,  com o objetivo de realizar uma capacitação de formadores educativos, acerca do abuso infantil.

O presidente da Casa Legislativa, Maurício Loureiro (PDT), participou da abertura oficial do evento, junto ao prefeito Jacques Barbosa, a Juíza-diretora do Foro de Santo Ângelo, Marta Martins Moreira, delegada titular da Delegacia de Atendimento à Criança e ao Adolescente, Luciana Cunha da Silva, pastor distrital e de Santo Ângelo Jessé Paulo dos Santos, e diretora da Escola Adventista, Tatiane Goetz.

Em seu pronunciamento, Loureiro enfatizou a necessidade de realizar ações como a campanha Quebrando o Silêncio, considerando que os temas abordados anualmente são delicados e precisam de mais atenção. O presidente da Câmara de Vereadores afirmou o apoio do Poder Público e ressaltou o trabalho social realizado pela campanha.

O “Quebrando o Silêncio” é um projeto de prevenção e valorização da vida, promovido anualmente pela Igreja Adventista do Sétimo Dia em oito países da América do Sul. Desde 2017, a campanha faz parte do Calendário Oficial de Eventos de Santo Ângelo, e está sendo desenvolvido pela Escola Adventista, com o apoio da Câmara de Vereadores, Prefeitura Municipal, Secretaria Municipal de Educação, Secretaria Municipal do Meio Ambiente, 14° Coordenadoria Regional de Educação, Polícia Civil, Brigada Militar (Proerd e Maria da Penha), Coordenadoria Municipal de Políticas Públicas para as Mulheres, Conselho Tutelar, COMUD e Ministério Público.

 

Palestra e capacitação

Após os pronunciamentos da mesa de honra e a abertura oficial realizada pelo prefeito Jacques, a tarde de atividades do Programa Quebrando o Silêncio, começou com uma encenação intitulada “Retratos do Tempo”, feita por alunos da Escola Adventista.

Posteriormente, a pedagoga Maria Claudete Cardoso proferiu uma palestra sobre a campanha e expôs dados acerca do tema abuso infantil. Em seguida, deu-se início à uma capacitação em forma de mesa redonda.

Mediada pela diretora Tatiane, a atividade contou com as falas da juíza-diretora Marta, com a delegada Luciana, falando pela Polícia Civil, os soldados Denis Muller e Adriani Machado dos Santos, pela Brigada Militar (Maria da Penha e Proerd), e Jonatã Ferreira, pelo Conselho Tutelar.

Na oportunidade, cada participante da mesa redonda contou como é feito o acolhimento das vítimas de abuso infantil, e quais são os encaminhamentos realizados por cada instituição, no intuito de orientar os educandários a denunciarem casos que possam surgir no meio escolar e como abordar o assunto em sala de aula.

Caminhada

A terceira edição da Campanha Quebrando o Silêncio foi encerrada no sábado, 24, com uma caminhada de conscientização à comunidade. O trajeto iniciou por volta de 10 horas e partiu da praça da Catedral Angelopolitana, e seguindo até a Praça Leônidas Ribas.

Representado o Poder Legislativo Municipal, o vice-presidente Vinícius Makvitz fez a abertura da atividade e participou da caminhada da campanha.