Brasão

Câmara de Vereadores
de Santo Ângelo

Câmara de Vereadores de Santo Ângelo.

Terça, 19 de novembro de 2019

Legislativo homenageia 40 anos do Emaús em Santo Ângelo

Em Sessão Especial realizada na noite dessa segunda-feira, 18, a Câmara de Vereadores de Santo Ângelo homenageou os 40 anos de fundação do grupo de evangelização de jovens católicos, Emaús, na Capital das Missões.

Proposta pelo vereador Vinícius Makvitz (MDB) e subscrita pelo vereador Rodrigo Trevisan (Progressistas), a homenagem contou com a presença do Chefe de Gabinete do prefeito Jacques Barbosa, Airton Peruzzi, representando o Poder Executivo de Santo Ângelo; Bispo Dom Liro Vendelino Meurer, de José Luís e Claudia Moscon, Casal presidente do Emaús Santo Ângelo, e dos padres Euclides Benedetti e Inácio Dalla Nora.

Para Makvitz, a homenagem é justa, considerando o trabalho realizado anualmente com jovens entre 18 e 30 anos. “Sabemos que quem participa dos cursos do Emaús, aprendem mais sobre valores morais, éticos e cristãos, e retornam para fazer a diferença, não só na Igreja, mas na sociedade”, afirmou o proponente da homenagem.

Trevisan, que participa do movimento, discursou em nome da Casa Legislativa e explicou que o Emaús tem como carisma a evangelização de jovens, por jovens e adultos. “O significado teológico da palavra carisma nos diz muito sobre o nosso movimento. Carisma é um dom extraordinário e divino, concedido a uma pessoa, ou um grupo de pessoas, para o bem da comunidade. Emaús, amigos, portanto, é dom de Deus”, enfatizou o vereador.

Se pronunciou em nome do Emaús, José Luís Moscon, que contou como surgiu o movimento no Brasil e comentou sobre sua a estrutura. “O curso do Emaús se realiza e é baseado na catequese, visando conscientizar e apresentar aos jovens o Cristo vivo como nosso único salvador, para que, evangelizados, possam evangelizar e contribuir com uma resposta de amor à Cristo, para libertação integral do homem e da sociedade, levando uma vida de participação e principalmente de comunhão entre as pessoas”, afirmou.

Conforme Moscon, o objetivo do curso do Emaús é formar e desenvolver líderes comunitários, para que posteriormente eles atuem nas suas paróquias de origem. “Sua missão, enquanto instrumento da igreja, é a serviço da evangelização da juventude, é dar ao jovem cursista uma sólida formação Cristã, para que ele possa voltar à sua paróquia, e dinamizar os grupos que já existem ou ajudar na criação”, ressaltou.

Ao final do discurso, Moscon convidou a todos para a comemoração de 40 anos do Emaús, que será realizada no próximo dia 07 de dezembro no Largo da Praça Pinhero Machado. A partir das 17h30min ocorrerá a acolhida dos movimentos da Diocese, seguida de celebração Eucarística. Após a Missa, haverá show com a banda “Anjos do Resgate”, em frente à Catedral Angelopolitana.

Emaús

O movimento religioso, em Santo Ângelo, foi fundado no ano de 1979, e atualmente o município possui três grupos, sendo na Paróquia Santo Antônio, na Paróquia Sagrada Família, e na Paróquia Anjo da Guarda, da Catedral.

São realizados quatro cursos por ano, sendo dois femininos e dois masculinos, atingindo cerca de 200 jovens de 18 a 30 anos.

O movimento está presente em 10 dioceses gaúchas. Na Diocese Angelopolitana, 14 municípios contam com grupos de Emaús: Catuípe, Entre-Ijuís, Caibaté, São Miguel das Missões, Guarani das Missões, Giruá, Santa Rosa, Tuparendi, Três de Maio, Horizontina, Boa Vista do Buricá e Santo Ângelo.

12 de dezembro de 2019
11 de dezembro de 2019
Aprovação da matéria protocolada pelo Poder Executivo ocorreu por maioria, na sessão da última segunda-feira, 09.
06 de dezembro de 2019
Homenagem foi proposta pelo vice presidente da Câmara de Vereadores, Vinícius Makvitz (MDB)