Brasão

Câmara de Vereadores
de Santo Ângelo

Câmara de Vereadores de Santo Ângelo.
Terça, 05 de setembro de 2017

Em ato solene, Legislativo de Santo Ângelo presta homenagem alusiva ao Dia da Independência do Brasil

Autoridades civis e militares estiveram reunidas ontem, dia 04, na Câmara de Vereadores de Santo Ângelo, para ato solene alusivo ao Dia da Independência do Brasil – comemorado em 7 de Setembro.

A solenidade foi marcada pela presença da Banda do 1º BCOM e por discursos reflexivos, que destacaram fatos do passado e os desafios do futuro. Representando o Poder Legislativo falou o vereador Felippe Terra Grass.  Em seu pronunciamento fez questão de ressaltar a importância do civismo na busca por uma sociedade mais justa e solidária.

Da mesma maneira, fez uso da palavra o Chefe da 10ª Circunscrição do Serviço Militar e Comandante da Guarnição Militar Federal, Coronel Marcelo Baptista Vargas.  Brevemente, o Coronel reiterou o orgulho em pertencer ao Exército Brasileiro e agradeceu ao Parlamento pela consideração e respeito sempre demonstrados para com a Instituição.

Seguindo seu discurso, o oficial mais antigo da Guarnição também fez menção à crise pela qual o país atravessa. Segundo ele, é condição essencial para a superação do momento, a união de todas as instituições nacionais, a convergência de vontades, capacidades, talentos e o patriotismo de todos os brasileiros. Nesse sentido, o Coronel defendeu a ideia de que os atos cívicos não se resumam em uma semana ao ano, principalmente nas escolas. “Assim como estudamos matemática e português em todas as fases do aprendizado, porque não estudamos educação moral e cívica na mesma proporção?”, questionou e seguiu afirmando:

“Precisamos compreender que o trabalho cívico e social continuado é necessário porque o mundo evolui, as fronteiras nacionais vão ficando esmaecidas, os conflitos interfronteiriços alastram-se, os laços estão familiares estão se tornando mais tênues, os valores morais e éticos sendo adiados, a consciência dos povos enfraquece e o sentimento de amor ao solo natal vai sendo substituído pela identidade global. Por isso lutamos pela independência até hoje. Não para que ela seja feita, mas para que seja mantida, para que perdure e para que esteja sempre na mente do povo”, acrescentou.

Finalizando, o Coronel parafraseou o político francês que foi ministro de Estado e da economia do rei Luís XIV, Jean-Baptiste Colbert, afirmando que: “a grandeza de um país não se mede pela extensão de seu território, mas pelo caráter de seu povo”, concluiu.

 

Mesa de Hora

Durante o ato, integraram a mesa de hora juntamente com o Presidente da Casa Legislativa, Adolar Queiroz, vice-presidente, Vando Nolasco, secretário da mesa diretora, Vinícius Makvitz, o Prefeito de Santo Ângelo, Jacques Barbosa, assim como o Coronel Marcelo Baptista Vargas - Chefe da 10ª Circunscrição do Serviço Militar e Comandante da Guarnição Militar Federal, Coronel André Luiz dos Santos Franco - Comandante do 1º Batalhão de Comunicações, Major Nilton Roberto de Souza Camargo - Comandante do 11º Batalhão de Bombeiro Militar, Renato Tirapelle - vice-diretor das Promotoria de Justiça de Santo Ângelo, Tânia Santiago - Coordenadora da 14ª Coordenadoria Regional de Educação e professor Eliezer Pleti - Diretor da Escola da URI.

 

15 de dezembro de 2017
Em Santo Ângelo, a unidade foi inaugurada em 04 de dezembro de 2009. Desde então, a instituição é reconhecida pela qualidade e excelência na educação, com atividades direcionadas para formação intelectual, moral e física.
15 de dezembro de 2017
Neste ano, através de uma iniciativa do Presidente da Câmara, Adolar Queiroz, a campanha passou a fazer parte do Calendário Oficial de Eventos de Santo Ângelo. Objetivo é prevenir e combater o abuso e violência doméstica
14 de dezembro de 2017
Neste semestre, o PROERD atendeu 21 turmas e 17 escolas, totalizando 451 alunos.
13 de dezembro de 2017
A previsão é de que a lista classificatória final seja divulgada no dia 20 de dezembro
12 de dezembro de 2017
Matéria foi apresentada pelo vereador Vando Nolasco. Ofício será enviado aos dirigentes da Petrobras e do Ministério de Minas e Energia.