Brasão

Câmara de Vereadores
de Santo Ângelo

Câmara de Vereadores de Santo Ângelo.

Terça, 02 de abril de 2019

CPI deve investigar reforma do Estádio Municipal Carlos Wilson Schröeder

Durante a Sessão Ordinária de segunda-feira, 01 de abril, foi apresentado requerimento para abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), para apurar as obras realizadas no Estádio Municipal Carlos Wilson Schröeder, localizado na Zona Norte de Santo Ângelo.

O montante na ordem de R$ 1,12 milhão, sendo R$ 749 mil proveniente de repasse do Ministério do Esporte e o restante contrapartida do município, foi usado na reforma realizada pela administração municipal durante os anos de 2015 e 2016.

Conforme o vereador que requereu a CPI, Vando Nolasco (PDT), o objetivo é investigar o possível mau uso dos recursos públicos, considerando que o o local está em desuso e o valor teria sido investido na drenagem do campo, troca de gramado, implantação de sistema de irrigação, recuperação dos vestiários, que foram transformados em sanitários, construção de novos vestiários e arquibancadas, remodelação da copa, cercamento do campo e construção de casamatas para equipes, imprensa e Brigada Militar.

“A obra foi entregue em dezembro de 2016. Estamos em 2019 e a comunidade santo-angelense ainda não conseguiu aproveitar a estrutura. Precisamos verificar quais os motivos daquele espaço não estar em condições de uso”, afirmou o requerente.

Em 2018, todos os responsáveis pela obra foram convidados para uma reunião na Câmara de Vereadores, para debater o assunto, porém engenheiros, técnicos da Caixa Econômica Federal, secretário municipal de esportes da época e demais pessoas ligadas ao projeto não compareceram.

O documento apresentado na Sessão Ordinária também foi assinado pelos vereadores Valdonei da Luz (PDT), Jacqueline Possebom (PDT), Felippe Terra Grass (PDT), Everaldo de Oliveira (PDT) Dionísio Faganello (DEM), Maurício Loureiro (PDT), Rodrigo Trevisan (PP), Márcio Antunes (PP), Paulão (PP) e Valter Mildner (REDE).

Instauração da CPI

O diretor administrativo da Casa, Thiago Zimmermann, esclarece que após protocolado o requerimento e lido em plenário, o presidente da Mesa Diretora tem 72 horas para se reunir com os líderes de bancada e promover a indicação dos cinco membros da comissão.

A reunião já está marcada para às 17 horas de quarta-feira, 03. Posteriormente, de acordo com Zimmermann, o grupo definirá os cargos de presidente, relator e secretário, para então dar andamento aos trabalhos.

A comissão terá 120 dias, prorrogáveis, para montar um relatório sobre o uso de recursos na reforma do estádio municipal. Após finalizado, o documento será avaliado pela CPI. Caso aprovado, deverá ser enviado aos órgãos competentes, como Ministério Público e Tribunal de Contas, por exemplo. Se for rejeitado, será arquivado.

 

 

Fotos: Marcos Luft