Brasão

Câmara de Vereadores
de Santo Ângelo

Câmara de Vereadores de Santo Ângelo.
Quinta, 04 de maio de 2017

Câmara realiza sessão para homenagear os 24 anos de atividades da ASLE


A ASLE - Academia Santo-angelense de Letras comemora 24 anos de atividades. Em alusão à data o Poder Legislativo Municipal, atendendo solicitação do vereador Felippe Terra Grass, realiza sessão especial a fim de homenagear a entidade pelos relevantes serviços prestados à comunidade.

A sessão integra a programação alusiva ao aniversário da entidade, fundada em 24 de abril de 1993. Atualmente a ASLE possui 35 cadeiras, ocupadas por 28 acadêmicos, sendo seis mestres das áreas de português e afins, uma doutora em Letras, três advogados, um especialista em Direito do Consumidor e trovador, cinco historiadores, dois jornalistas, uma publicitária, um coach, quatro compositores de renome estadual no meio nativista e quatro poetas.

A Academia recebeu o título de utilidade pública por não possuir fins lucrativos e por atuar na comunidade organizando e compondo o corpo de jurados para análises de concursos literários, realização de palestras e sessões de autor presente em escolas, oficinas de contos e poesias, feiras de livros, cursos de redação com enfoque na produção literária, entre outros.

Na Câmara de Vereadores, a homenagem acontece na próxima segunda-feira, dia 08, às 19 horas. Autoridades, escritores, representantes de movimentos culturais e educacionais, secretários, simpatizantes e familiares dos acadêmicos devem participar do ato.
A sessão é aberta ao público e será realizada no Plenário Juarez Alves Lemos. 

17 de outubro de 2017
Encontro foi solicitado pelos vereadores Vinícius Makvitz e Rodrigo Trevisan.
17 de outubro de 2017
Muito atuante, Moema participou da formação do Grupo da Pastoral da Criança do COHB e Bairro Neri Cavalheiro. Também fundou o Clube de Mães em sua comunidade, o qual, agora, levará seu nome.
13 de outubro de 2017
Comitiva também tratou sobre abertura da UPA, ampliação do aeroporto, doações de áreas federais e execução de programas sociais
13 de outubro de 2017
A proposta foi votada nesta semana pela Câmara e permite que qualquer entidade civil promova melhorias nos espaços culturais distribuídos pela cidade.